quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Discos: Black Ice por AC/DC (2008)


Pois é, 15º disco dessa banda muito boa, e super simples no seu estilo. Depois de 8 anos os jovens rapazes australianos voltam com um álbum de inéditas.

Um disco básico, tipo, é AC/DC... Sem inovação, sem revolução, apenas um bom e velho Rock and Roll, que é o que todos querem no fundo. O problema é que pode-se perder o espírito do rock, deixando a música apenas como um som, sem vida, sem energia. E é o que acontece em algumas músicas desse disco, é apenas uma canção que não tem vida própria.

Legal que o disco não foi pro iTunes, eles não deixaram, porque não querem que a música deixe de ser algo físico e vira apenas um arquivo imaginário no seu tocador de mp3.
Se quiser comprar, pode ir em uma loja do Wal-Mart que você vai achar, nos EUA. O que gera, lógico, uma polêmica.

Não há porque comentar faixa por faixa desse disco, ainda mais se tratando de AC/DC. Então falarei das que chamam mais atenção no disco, das outras apenas uma frase pra resumir, todas canções são compostas pelos irmãos Young:

Rock 'N' Roll Train: Grande música, abre muito bem o disco, você se sente nos anos 70, ouvindo o velho AC/DC. Um riff cheio, e um refrão típico da banda, com o backing vocal marcando presença em peso. O solo entra de intruso, de forma muito empolgante, mas muito curto, infelizmente. É um ROCKÃO!!

Skies On Fire: Segunda canção, um verso de peso, e a guitarra PERFEITA novamente. Só o refrão que não chama a atenção. O solo é bom, cumpre seu papel.

Big Jack: Uma das melhores músicas do disco. Não tem um riff marcante como as outras músicas, mas o verso é demais, e a música vai crescendo aos poucos, o que empolga bastante, você chega no refrão numa pilha já!! Aí vem o "Big Jack!! Big Jack!!", é aquela música que todo mundo canta, tipo o "TNT, HEY!! HEY!!". Um solo que anima muito, e caí direto no refrão, e você não cansa de cantar!

Anything Goes e War Machine: Músicas que segue o estilo das anteriores, uma coisa bem AC/DC. Sendo War Machine mais pesada que Anything Goes que é mais contida.

Smash 'N' Grab: Mais uma música mais contida, e que tem um refrão interessante. Mas não passa disso, com o tempo ela deixa de ser surpreendente.

Spoilin' For A Fight: Uma música bem caracterizada, AC/DC puro.

Wheels: Um vocal impecável, pode ser loucura mas no começo eu notei forte semelhance no estilo de cantar do Brian com o de Robert Plant. Um refrão muito bom, com a energia que faltou na música anterior. Um solo propositalmente relaxado.

Decibel: Agora no começo ele canta como Steven Tyler. A música peso-morto do disco, sem vida.

Stormy May Day: Bom pra começar essa, voltemos há 75 anos atrás, isso mesmo 75 anos atrás! Em 1933, um dos cantores norte-americanos mais consagrados de sua época, não tanto porque era negro, e na época ainda havia sérias restrições por isso, grava uma música chamada "Jesus Gonna Make Up My Dying Bed", pois então, aí 29 anos depois Bob Dylan em seu disco de estréia grava a mesma música, mas muda o nome! É a mesma letra, mesma melodia, mas se chama "In My Time Of Dying". Aí você provavelmente já percebeu, 13 anos depois é a vez do Led Zeppelin regravar a canção, com o nome dado por Dylan, mas aí há alterações na melodia e tudo mais por parte do grupo, e a música que originalmente tinha pouco mais de 3 minutos, passa a ter mais de 11 minutos de duração. E agora 33 anos depois o AC/DC usa o riff criado pelo Led Zeppelin pra uma música com mais de 75 anos de idade. Mas vou te dizer, a música é ótima!! Pra mim a MELHOR música do disco. Só ouvindo pra entender, é AC/DC mas com aquele ar de CLÁSSICO!! Pena que quando você acha que vai entrar AQUELE SOLO a música acaba.

She Likes Rock 'N' Roll: Uma musica ótima, um refrão hipnotizante, enfim, rock and roll sem frescura, simples e direto. "É isso aqui e pronto, se não curtiu que se dane!"

Money Made: Mais uma sem aquela energia. Não tem graça.

Rock 'N' Roll Dream: A mais leve do disco. Mas tem uma ótima melodia, tá bom que não é o forte do AC/DC, mas é quase uma balada. Mas aí entra o peso no refrão pra deixar claro que eles continuam machões. Uma música curiosa, mas que pode enjoar rápido.

Rocking All The Way: Ah, não é aquela coisa, não tem nada de mais.

Black Ice: Uma boa música, um ótimo riff, não tem muito o que comentar quando se trata de AC/DC. Mas tem energia e vida própria, mas não é aquela música que levanta a multidão.


Um disco que não decepciona e nem surpreende os antigos fãs de AC/DC. O que não significa que ele seja um disco normal.

GERAL: 7/10


Se quiser baixar, "com sua conta em risco" (by Silvio Santos), vá no Orkut que tá cheide links.


Destaques:

Stormy May Day:
http://br.youtube.com/watch?v=ESYYlkHBC5E

Big Jack:
http://br.youtube.com/watch?v=AaaUE-6P-g4

2 comentários:

lobatinho disse...

AC/DC Kralho
banda foda,simplesmente foda
e esse disco está muito bom
AC/DC FOREVER!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

disse...

BAIXEI O ALBÚM..

GOSTEI PRA CARALHO!