segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Geração de Plástico

As mesmas poses, as mesmas atitudes, as mesmas frases feitas. Natal, Reveillon, se vestir de branco, pular ondinhas, ano novo, vida nova, mais um ano se inicia. Velhos hábitos, novas tendências a se seguir. Talvez a nova moda venha daquele personagem daquele filme que acabou de passar no cinema, ou talvez da novela das 8. Ou ainda quem sabe, da banda do momento que esta "bombando" na MTV. A nova onda dos anos 2000 na música é o emocore, com bandas como simple plan, nx zero, com músicas voltadas para um público de valores completamente deturpados, para uma geração cada vez mais alienada, vazia, carente de identidade própria, carente de humanidade, carente de um pouco de si mesma. Com o passar dos anos, o que se vê é que a tecnologia, a medicina, têm evoluido num ritmo cada vez mais acelerado, quando em contrapartida, o que se percebe é uma constante desumanização das pessoas. Um reflexo dessa desumanização, dessa inversão de valores, dessa padronização, você pode perceber observando como bandas como cine, simple plan, nx zero fazem tamanho sucesso num país como o Brasil, em detrimento a bandas como Mutantes, Novos Baianos, Secos & Molhados, que praticamente passam desapercebidas a juventude brasileira. Ao que parece, a geração atual parece não se importar com esses valores éticos e morais, pelo contrario, os jovens atuais parecem estar mais interessados em printar uma conversa banal e idiota de msn e colocar no quadro de fotos do orkut, ou então tirar uma foto com cara de mal vestindo uma camisa do slayer ou do cannibal corpse, e colocar no avatar do orkut, ou do msn.
Viva a geração de plástico!

8 comentários:

paulonery disse...

Julio é emo...

Punk Star disse...

Nenhuma geração venera (levando em conta a totalidade) as gerações anteriores.

Os fãs do hard dos 70 não curtiam as músicas que "os pais deles ouviam" aquele rock cinquentista ou até o jazz e blues. Era a música que a "geração ignorante" curtia, na ótica deles.

Dos anos 80 idem. Anos 90, 2000 e agora continua.

Ética e Moral é construído por cada geração, a cultura é dinâmica e esses valores mudam junto, já que fazem parte da cultura.

Já citei Bauman no post anterior e cito agora, ele trata dessa questão da desumanização.

Alienação é a palavra que sempre tá na moda, mas é uma parcela muito pequena da sociedade que talvez se aliene. Todos sabem o que fazem, botar a culpa na mídia é o caminho mais fácil, por isso isso também anda na moda.

Punk Star disse...

Culpando a mídia, você tá evitando lidar com pessoas de fato. Generaliza, ou seja, você também tá desumanizando a sociedade quando faz essas afirmações.

Culpa algo abstrato, uma "instituição" algo que não existe na forma "humana".

Julio Cesar disse...

"a cultura é dinâmica", verdade punk, mas então porque o mundo esta girando eu tenho que girar na mesma frequencia?, só porque o processo é dinamico?, então eu não posso contestar, tentar mudar, me opor a isso, com a minha individualidade?, e eu não questiono a questão de valores éticos e morais certos ou errados, porque penso que isso seja relativo, acho relativo precisar isso. mas acredito que seja um crime, um suicidio metafórico mesmo, a pessoa se perder desta forma dentro dela mesma, dela se deixar alienar e ser absorvida pela industria cultural. "botar a culpa na mídia é o caminho mais fácil", e eu não coloquei a culpa na midia, o próprio titulo deixa claro isso. acho que jean-jacques rousseau, era quem dizia que "o homen é produto do meio", e acho que sempre foi assim, mas o X da questões eu acho que é a forma como as pessoas tem filtrado a infuencia do meio exterior, como as pessoas tem filtrado o mundo, ou melhor, elas não estão filtrando e selecionando a informação, a coisa ta chegando direto. estão acabando com camada de ozonio e os raios ultravioletas estão vindo diretamente do sol, acho que é por ai.

Punk Star disse...

Cada um filtra pra nutrir seus interesses, é um direito delas, e não estão fazendo nada de errado.

Julio Cesar disse...

Concordo punk. E acho que as pessoas são superficial demais, ja que se contentam com tão pouco.

Malú Azzoni disse...

O problema é que alguns valores estão invertidos. Fora isso, escutem e gostem do que quiserem, não é da minha conta.

Gostei do blog!

Julio Cesar disse...

Malú Azzoni, oi gatinha, quer tc?